Virtua Fighter – 20 anos

Saudações aos leitores.

Virtua Fighter, clássico da Sega lançado originalmente em 1993, fez vinte anos essa semana.

A Sega inclusive abriu um blog para comemorar a data, embora considerando o atual estado da série, não há muito o que festejar. Apesar dos últimos jogos terem sido fracassos de vendas e ninguém mais se importar com Akira e cia, Virtua Fighter tem sua importância na história dos jogos de luta, sobretudo por não só ter sido o primeiro poligonal, como também foi um dos primeiros a se propor a ser um simulador, diferentemente dos jogos 2d da época. Esse aniversário também relembra uma época em que a Sega era relevante. Bons tempos.

AvcF – Loading Time.

6 thoughts on “Virtua Fighter – 20 anos

  1. Joguei muito,muito mesmo na época do Saturn. Jogo vinha junto com o console, e esse vídeo me trouxe grandes lembranças daquele Natal de 1995, quando fui presenteado com o “recém” chegado lançamento da Tec-Toy. Bons tempos.
    Concordo com a analise, a serie já não tem o mesmo folego, e relevância de outras épocas. Muito embora no Japão a serie continue muito mais respeitada do que aqui no ocidente.
    O diferencial que torna Virtua Fighter único, é também o que faz dele um game nada amistoso com os chamados “Smash Butons” . É um game que se propõe a ser mais “real” , um game no qual não adianta sair apertando botões feito louco. Sendo necessário treino e dedicação para se chegar aos níveis mais elevados do gameplay.

  2. Nao sei quanto as vendas mas os dois ultimos jogos da serie foram notaveis. Jogos de qualidade indiscutivei. Acho Virtua Fighter 5 um dos jogos mais lindos da 7 geracao, isso por que ele foi lancado no comeco do ciclo dos consoles e eh sem sombra de duvidas um grande jogo em todos os sentidos. Pra falar a verdade eu gosto ate do VF 3, adorava o sistema de esquiva. O problema eh ver um jogo com graficos feitos as pressas que nao utilizam nem a metade da capacidade do console. Enfim tudo pra lancar junto com o console. Embora VF 3 seja muito mais jogo que Dead or Alive dava ate vergonha por os dois lado a lado. VF parecia um anciao.
    Enquanto lancam jogos de franquias pausteterizadas como CoD uma vez por ano VF esta abandonado. Quer saber? acho melhor assim, evita que manchem uma franquia tao notavel.

    1. Ainda tinha o fato dessa versão DC de Virtua Fighter 3TB ter sido convertida pela porquíssima Genki, e ter ficado pior que o do Arcade. Um pecado gravíssimo, pois o Dreamcast faz o que a Model 3 (placa de Virtua Fighter 3 e Virtua Fighter 3TB) faz com a mão nas costas.

  3. fala AvcF – Loading Time, blz??

    cara, venho acompanhando seu blog a algum tempo… curto muito a página…. gostaria de lhe pedir um favor, se não lhe for incômodo..

    qual é o email do sean malstrom? lembro q você já publicou uma entrevista com o cara… eu reviro o blog dele mas n acho como comunicar de jeito nenhum

    abração!

  4. O melhor jogo dessa série pra mim (e pelo jeito, só pra mim) é o Virtua Fighter 3 mesmo. O resto da galera costuma preferir o 2 ou até mesmo o 4, e o 1 foi mais pra quebrar as barreiras mesmo. Mas é uma série de respeito, isso é (sou bem mais ela do que Tekken ou Toshinden).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.