Tá certo isso, Sega?

Estava dando uma olhada nas notícias da E3, no Uol Jogos, quando me deparo com essa aqui sobre o vindouro Sonic Generations. Agora leiam o seguinte trecho:

“Sonic Generations” também pode ser o último jogo estrelado pelo Sonic clássico. Segundo o produtor Takashi Izuka, o personagem só voltou para celebrar o vigésimo aniversário da franquia e não vai estrelar novos jogos depois disso.

A “rardecorização” pela qual Sonic passou nos últimos anos foi tão ruim que se criou a noção de que existem dois personagens. O design “Nescau Radical/Mama jo quiero ser hardcore” do Sonic dos games 3D é de tal modo rejeitado pelos jogadores, que pelo visto a própria Sega precisou assumir a dicotomia das representações como se fossem dois personagens diferentes. Um é aquele da era de ouro, estrela de games clássicos e amado por milhões de jogadores. O outro é representa a decadência da Sega, partícipe de games ruins ou no máximo medíocres, além de ter protagonizado situações constrangedoras como um romance com uma princesa zoófila, ser um “lobisonic”, lutar contra cavaleiros e por aí vai. Ainda sim, a Sega escolheu o segundo em detrimento do primeiro.

Que se dane a história, que se danem os jogadores, bacana é ser rardecore. Se a opnião do gênio acima for reflexo da mentalidade da Sega, fica claro que o Sonic clássico (ou gordinho se preferirem) serviu apenas como uma ferramenta para enganar os jogadores que há anos rejeitam esse Sonic pseudo-cool com seus jogos bugados e recheados de correrias retardadas. Se fosse o caso de realmente resgatar Sonic, por que então não fizeram Sonic Generations inteiramente baseado nos fundamentos dos games clássicos? E quem, à exceção de meia dúzia de viúvas seguistas, sente saudades de Sonic Adventure?

Parábens, Sega. Continue assim.

AvcF – Loading Time.

10 thoughts on “Tá certo isso, Sega?

  1. Burrada. Trazer o Sonic Clássico pra enterraá-lo depois…

    Numa dessas as vendas (ou falta delas) pode mudar alguma coisa. Mas se quiserem manter a burrada, continuam nessa de não usar mais o gordinho.

  2. AvcF, você é de longe o maior nintendista que conheço! O fato de os jogos do Sonc ultimamente não terem sido bons (dependendo do ponto de vista) nada se deve à caracterização do personagem. Não conheço todos os jogos atuais, mas gostei muito de Sonic Adventure 1 e 2 e de Sonic Heroes e tenho a maior curiosidade em conhecer o do X360!
    Aí entra o tal do saudosismo, todos acham que a fórmula deveria ser a mesma da era clássica, mas se assim fosse, os mesmos que hojem enaltecem-a, estariam criticando, dizendo que esta é uma fórmula ultrapassada!
    Gosto de todos os Sonic que gostei, mas sinceramente, o único do Mega Drive que consigo jogar é o Sonic & Knucles! Jogo os do Master System, mas não goso do Sonic 2.

    Meu filho é da geração atual, é muito fã do Sonic atual, adora Sonic Riders e acha o sonic ‘rardecore’ um personagem bem melhor que o Mário, apesar de tanto ele como eu gostarmos do bigodudo!
    Pode me chamar de viúva seguista então, pois aqui fica minha opinião: Isso é só mais um motivo para vocês achacalharem a Sega!

  3. Não é saudosismo, caro duquerei. Acredito que não queremos os jogos como se fossem os jogos antigos, mas sim jogos produzidos com os valores de antigamente. Entende a diferença?

    Eles utilizam o sonic gordinho como elemento saudosista a fim de resgatar os antigos jogadores. Ao invés de utilizar os valores de antigamente com a tecnologia de hoje para produzir um jogo novo interessante.

  4. sonic nescau? pff.. comparação mais ridícula que já vi.

    não sou fã de sonic, mas prefiro o sonic atual pois tem uma aparencia de atitude. Até mario tem uma aparencia atualizada à sua original, esse sonic só reflete a sua versão criança. No game já é claro que esse jogo será uma viagem no tempo. Passando pelos 20 anos do personagem. Matérias como a sua que mostram o quanto gamers criticos podem ter fundações tão ridiculas.

    fim

  5. O primeiro Sonic Adventure até é bacana, mas eu concordo com uma crítica da revista Gamers (se lembram?) da época em que o jogo saiu: Se o jogo fosse UM POUQUIIIIIINHO MAIS CAPRICHADO poderia ter, digamos, “envelhecido melhor”. Sonic Adventure 2 eu acho um saco, e os 3 Sonic Advance eu achei legais. Os demais em 3D eu nem joguei direito, mas o pouco que vi não me disse muita coisa. mas desde Sonic 4 e Sonic Colors a Sega parece que tem “acertado a mão” gradativamente, e me parece que com esse Sonic Generations será assim. Aliás, esse lance de pôr Sonic novo com Sonic clássico contracenando no mesmo jogo foi “aproveitado” (ou copiado/roubado) daquele jogo que não ia dar certo e acabou sendo cancelado chamado Mega Man Universe (lembram dele?). Mas acho sim que “aposentar” de vez o Sonic clássico depois disso, a menos que seja uma estratégia de marketing meio insólita, é a maior das burradas que a Sega poderia cometer em um momento desses.

    Quanto ao lance Nintendismo vs. Seguismo, só pra equilibrar a balança: Super Mario Sunshine e Luigi’s Mansion mandam lembranças. 😀 😀 😀

  6. Eu realmente gosto mais do Sonic gordinho, mas a não ser que o jogo traga de volta a filosofia dos clássicos, o desing dele é indiferente.Acho que só serviria para agradar os saudosistas.Se os ultimos jogos fossem bons, ninguém ia reclamar do visual.
    Quando anunciaram Daniel Craig com 007 muita gente, inclusive eu, torceu o nariz por um James Bond loiro.Se tivessem entregado um filme ruim tenho a certeza que teriam posto a culpa nas madeixas do galã mas como entregaram um filme melhor que todos os do Pierce Brosnan juntos, calou a boca de todo mundo, inclusive a minha.Eu prefiro o velho Sean Connery como 007 mas isso não me impediu de gostar de Cassino Royale.
    É a mesmo coisa com Sonic, se o jogo é bom o desing é indiferente.Isso se levarmos em consideração apenas a evolução normal de desing, o que acontece com qualquer personagem clássico como Rayman, Mario, Donkey Kong, Mega Man, etc.Todos mudam e evoluem.É diferente se forem mudanças de estética, como aconteceu com Zelda Wind Waker, que mesmo sendo um grande jogo foi rejeitado por parte dos jogadores.
    PS : Só não entendi a parte do Sonic Adventure, que eu saiba os dois foram bem recebidos pela critica e publico.Acho que a coisa desandou depois deles…
    PS2 : Falar mau da SEGA é sacanagem, chutar cachorro morto não tem graça.
    PS3 : To querendo comprar um pra comprar GT5 mas a grana tá curta…

  7. hoje a Sega pode estar errando a mão em muito de seus jogos, mas nem sempre foi assim. Todas elas, inclusive Nintendo (N64) erram a mão.
    Concordo que hoje os jogos da Sega tenham muito menos destaque na mídia, talvez porque a própria não cobre de si mesmo no quesito qualidade, uma vez que ela não tenha mais que vender consoles.
    Concordo com o hendrix, Sonic Adventure, realmente foi bem recebido por crítica e público.
    De fato a ‘era de ouro’ da Sega já acabou, saudades do meu Dreamcast!!
    PS: Sonic Advance realmente é muito bom. Outro jogo foda (da Nintendo) é Mário Vs Donkey kong!

  8. Foi o que eu disse há um tempo atrás, a Sega devia abandonar esse Sonic moderno, esse game devia ser feito somento com o antigo, aliás, deviam voltar o design e nem avisar que o mudaram, coo se fosse uma ova reestilização baseada no modelo clássico e desaparecer com esse pseudo hardcore. Enfim, nem tudo é perfeito hehe!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *