Dica cultural: Livro Artes do Videogame

Saudações aos caros leitores deste humilde blog.

Videogame também é cultura, baseado nisso recomendo a leitura da obra cuja capa está aí em cima. O bacana a principio, é o fato do livro ser de um autor brasileiro, algo ainda incomum, já que a maioria da literatura existente sobre games é estrangeira. O que interessa mesmo é que se trata de uma obra de qualidade, excelente texto. Sobre o autor, Jesus de Paula Assis, ele faz parte do Grupo Poéticas Digitais do Depto. de Artes Plásticas da ECA-USP, ganhou o quarto premio Sérgio Motta de Arte e Tecnologia, além de participar da produção do jogo artístico Cozinheiro das Almas. Enfim, o cara sabe muito do que fala.

Ao contrário do que possa parecer, não se trata de algo técnico, burocrático ou até mesmo um desses “be-a-bás” que se encontram em livrarias por aí. O texto trata de conceitos teóricos como interatividade/imersão, inteligência, realismo, interface, entre outros. Na segunda parte do livro, há um conteúdo mais prático, envolvendo alguns pontos que até cheguei a falar sobre aqui no blog, sobre produção de games. Em minha leitura, achei o texto ágil, bem desenvolvido, daqueles que quando você percebe, já leu várias páginas e nem pareceu tanto.

O preço é bom para um livro (R$ 24, mais ou menos), o que torna Artes do Videogame uma opção bem mais atraente que uma obra importada. Não estranhem o tamanho diminuto do livro, pois há bastante conteúdo em suas noventa e quatro páginas. Minha única crítica fica para seu projeto gráfico ruim, com erros básicos de diagramação e design muito pobre. Se algum de vocês der uma bobeira em alguma livraria, dê uma chance ao livro que ele vale a pena. Terão uma bela leitura.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.