Bad trip: Way of the Warrior – 3DO

Saudações aos alcoólatras.

O 3DO foi seguramente o pior console com que tive contato na minha vida. E olha que até joguei bastante, pois na minha época de moleque, tinha um amigo que ganhou um e tinha alguns jogos. E um deles era justamente a desgraça que figura o título. Acompanhem.

Não é absurdo dizer que durante a década de noventa os jogos de luta foram reis em termos de popularidade entre boa parte dos jogadores de videogame no mundo. Na minha opinião, Street Fighter foi o rei e The King of Fighters foi o príncipe de uma época em que esse gênero mandava nos arcades e as locadoras de jogos. Jogos como Marvel Super Heroes, Garou Densetsu: Mark of the Wolves, Killer Instinct, Soul Edge, entre outros, completam a realeza. Mas nem tudo são flores e obviamente sempre tem alguém para estragar a festa. Me refiro a uma das maiores enganações do mundo dos games, a série Mortal Kombat (falarei mais sobre isso em breve, aguardem).

Além de ser uma franquia recheada de jogos ruins em que só uma única edição prestou (Mortal Kombat 2), essa praga ainda foi responsável pelo surgimento de diversos clones horrorosos, que só serviam para queimar o filme da indústria de jogos e emporcalhar as prateleiras de jogos e arcades por aí. Claro que Street Fighter também gerou dezenas de clones, mas até mesmo as imitações de MK conseguiam ser piores. Muito piores. Desesperadamente piores. Até as lombrigas dos meus intestinos doem quando lembro de algumas dessas monstruosidades. E olhem que elas já aguentaram misturas do naipe de pizza de calabreza amanhecida com iogurte de mamão com banana sem gelo.

Foi nessa toada que Way of the Warrior foi expelido direto para o 3DO pela, acreditem vocês, Naughty Dog, hoje uma respeitável produtora de jogos resonsável entre outras coisas pelos primeiros jogos do Crash the Bandicoot. Não tem jeito, todo mundo sempre tem uma mancha no passado, iguaizinhos esses atores brasileiros que quase desmaiam quando alguma pornochanchada daquelas com “muita sacanagem” é reprisada no tv a cabo Canal Brasil (sensacionalmente trash outra madrugada que apareceu o gentleman Ronivon se atracando com com uma tal de “Janaína a virgem proíbida”).

Sobre o jogo, tenho uma palavra para começar: lamentável. Visualmente é um crime contra o design gráfico em todos os aspectos possíveis. Todas as decisões estéticas erradas foram tomadas ao mesmo tempo, e até mesmo os piores filmes chineses de ação de baixíssimo orçamento parecem aceitáveis perto de Way of the Warrior. Por falar em pior, WotW tem a sequência de abertura mais chata de todos os tempos para um jogo de luta, com um narrador tagarela pentelho até a tampa e que provavelmente tinha sérios problemas de inflamação nas cordas vocais. Ainda por cima, o caboclo é mentiroso, pois ele anuncia um torneio com os “maiores lutadores que o mundo já conheceu”, e o que temos é uma seleção de idiotas deprimentes. Alguns lutadores ali não conseguiriam sequer fazer uma ponta em shows de luta livre amadora.


“Melhores lutadores que a mundo já conheceu” Ah tá…

O gameplay é uma piada, com respostas de comando lentas e imprecisas, a detecção de colisão simplesmente não funciona, e aliada a péssima animação dos lutadores, dá a luta um aspecto quase randômico, tornando a expêrincia geral muito ruim. A movimentação é horrorosa, completamente dura, lenta e com lutadores que davam pulos absurdos e executavam golpes ridículos. Para vocês terem a noção da ruindade do jogo, possuo aqui um velha revista Super Game Power, que já na época criticou duramente o jogo. Para uma revista tosca (e bota tosco nisso) como era a SGP ter considerado o WotW uma porcaria, é porque a coisa é periclitante mesmo, uma verdadeira hecatombe gamística.


Não.

Somem isso a um heavy metal genérico e sem sal do White Zombie, um monte de efeitos reciclados de outros jogos de luta e uns gritinhos para lá de constrangedores, e temos a receita para um dos piores jogos de luta da história da humanidade. Existe o péssimo, o horrível, o medonho e até o escalafobético. Depois vem Way of the Warrior. Se bem que esse joguete estava muito bem encaixado na pavorosa biblioteca de jogos do 3DO. Aquelas coisas se mereciam mesmo.

Abraços e até o próximo post.

André V.C Franco/AvcF – Loading Time.

30 thoughts on “Bad trip: Way of the Warrior – 3DO

  1. 3DO eu nunca joguei, só li sobre e até achei a idéia dele… interessante (curiosa). Quando eu vejo um jogo desse nipe me lembro na hora do Street Fighter baseado no filme.

    @AvcF

    Você esse seu ódio mortal de MK, he he he…

  2. Joguei essa nojeira no MAME uma vez, isso aí nem conta é praticamente um Hermes e Renato dos jogos de luta. Mas comprova minha tese de que até os clones de Mortal Kombat são piores do que os de Street Fighter.

    Tchulangueiro, não odeio Mortal Kombat, apenas discordo da importância que muita gente dá a esse jogo e em breve falarei sobre isso.

  3. Que bom saber que eu não estou sozinho no mundo quando se trata de Mortal Kombat.
    Joguinho safado, mal feito, pobre e apelativo. E ainda deu status a softhouse mais vagabunda da história, a Acclain, tão vagabunda que nem a própria série ela conseguiu segurar e depois lançou maravilhas como “Battle Monsters” (pra quem nunca viu essa maravilha http://www.youtube.com/watch?v=SUI6vZxucGg ) e “War of Gods”. Ainda bem que a história deu o devido lugar a série, ou seja, o limbo.

    Agora esse Way of the Warrior é inacreditável. Já o vi pessoalmente, mas nunca joguei. Só sei que eu, no auge dos meus 11 anos, achava esse jogo uma das coisas mais mal feitas que já tinha visto na minha breve vida. E ainda hoje ele continua ocupando um lugar de destaque nessa lista. E por coincidência ontem eu tava vendo uns videos do AVGN e um dos relacionados eram os Fatalities (uma imbecil invenção do MK) mais violentos dos videogames. Havia 2 pertecentes ao WotW na lista.

    Não da pra acreditar na seleção de personagens. Todos os estereótipos e clichês num lugar só. Será que quem produziu isso se viu escolhendo seu personagem favorito num jogo desses? Será que não havia testadores? Não da pra entender o que se passa na cabeça de quem lança algo desse tipo.

  4. MK foi para o limbo? entaum pq eles lançaram MK vs dc universe o ano passado? pq naum vendia mais e eles resolveram perder dinheiro ¬¬ ? q venha a materia anti-MK, pq vo falar mto quando ela vim (de cara jah digo q conheço milhares de viciados q vaum cair de pau, hauahuahahua)

  5. Pois é, chamar isso aí de lixo é pouco.

    Mas lembro quando vi as primeiras fotos desse jogo numa revista qualquer, fiquei doido para jogar. XD

  6. Que eu me lembre MK vs DC se não foi um fracasso (acho que foi), ficou a anos luz de ter sido um sucesso. As críticas, idem, visto que pouca gente deve ter perdido tempo com esse trambolho já que Street Fighter 4 estava para sair.

  7. A sim Cliff, esqueci o quanto MK esta com moral hoje em dia. Cada lançamento aguardado com furor pelo mundo. Um sucesso atrás do outro, tanto de crítica, quanto de público.

  8. Queria uma explicação por vc não gostar de Mortal Kombat e Tomb Raider. Não são as melhores séries do mundo mas estão longe de ser essas bombas que vc insiste em dizer que são. Mas tudo bem, eu so joguei um game de 3DO e nem lembro qual era, só sei que detestei e o mesmo serve para o saturn, mas ao menos pro sega eu lembro que joguei street fighter 2 alguma coisa e D, não demorou muito pra voltar pro Snes hehe

  9. “Joguinho safado, mal feito, pobre e apelativo. E ainda deu status a softhouse mais vagabunda da história, a Acclain, tão vagabunda que nem a própria série ela conseguiu segurar”

    Venomon, você disse tudo…assino embaixo….

    Se a Acclaim teve status foi por causa da conversão de MK2 pra Mega e Snes….de resto só fez LIXO….
    E a Midway que criou a série MK é outra softhouse podre até o extremo junto com LJN, Flying Edge(acho que uma(ou as duas) faziam parte da Acclaim também)…

    O que acho mais incrível é como certas empresas não tem competência para criar um jogo decente e partem pra apelação com temas violentos e sexuais..vide GTA também…:
    É o jogo mais nojento que já vi na vida e todo mundo paga pau pra esse LIXO….

    Agora comparar MK com SF é covardia:
    compare o sistema de luta do MELHOR JOGO DE LUTA DE TODOS OS TEMPOS com uma porcaria que só fez sucesso por causa dos gráficos digitalizados e da violência…

  10. Oi gente, um tempao q n posto nada e resolvi postar alguma coisa(ja era hora)
    A Hely disse tudo ai em cima,sempre achei GTA um jogo mal feito,cheio de bugs e apela a temas violentos para fazer sucesso e chamar GTA de lixo e pouco

    mas agora,nunca achei mortal kombat um jogo ruim nao (bem ate o 3 pq apartir do 4 ficou uma bela $%#@$)
    pelo contrario,eu adorava qndo o jaX fazia um fatality no liu kang ou qndo a mileena esfakiava o jonhy cage, pra mim
    mortal kombat sempre foi um jogo q revolucionou em termos
    de graficos,mas MK n se compara a street fighter

  11. Flavio, em breve explicarei o porquê de eu não gostar desses dois jogos. Ou melhor, explicarei o porquê deles serem asenganações que são. Já adianto que será um novo especial polêmico do blog…

  12. Tomb Rider também não fui muito com a cara não. Mortal Kombat eu parei no 3 (recentemente aluguei o Armageddon e não tive paciência nem para passar pelo tutorial), então relevo. Mas quero saber mesmo a causa/motivo/razão/circunstância de não ter gostado de Carmageddon.

  13. Avcf vc também não gosta de Tomb Rider? Só falta dizer que acha Halo uma porcaria hypada pela Microsoft.

    Tomb Rider basicamente é um jogo ruim, repetitivo, com uma jogabilidade terrível que teve uma propaganda genial da Eidos que vendeu um monte de polígonos como uma mulher gostosa. Some isso ao fato de que era o início da era 3D nos videogames, então ter um jogo pro Saturn e PSX, totalmente 3D e com uma mulher como protagonista.. há, se o pessoal engoliu Mortal Kombat, pq não engoliriam isso?

    Halo é um jogo de tiro, igual se acha a granel no PC, estranho que quando ele saiu pro XBOX ele não tinha absolutamente nenhuma inovação em relação aos fps já criados, além disso tinha como personagem um cara numa armadura feia. A M$ investiu pesado, fez todo mundo engolir que o jogo era inovador, que jogar um FPS num joystick era bom, e que o Master Chief era o novo Mario Bros. Comprando a Gamespot daqui, a EGM de lá… fizemos um clássico.

  14. Eu joguei somente o primeiro Halo, isso no PC, mas o jogo não me empolgou. Joguei um pouco, para logo em seguida largar. Preferi Tron 2.0 e Half Life 2, achei mais interessantes. Já vi em fóruns a trilogia Halo ser estigmatizada como genérica, mas não tenho subsídios para concordar ou discordar. Embora na época do Halo 3, me lembro de um jornalista ter revelado que diversos “game reviewers” receberam 800 dólares em produtos Microsoft. Foi notícia no Outerspace e até no Fórum Uol, onde a notícia foi estranhamente apagada algumas vezes.

    Noves fora, ao menos Halo é bem melhor que Tomb Rider por um simples motivo: é jogável. Não há bug bizarros nem programação porca que impeça alguém de se divertir propriamente. É um game com valor de produção elevado, e se não é inovador, é ao menos competente em seu projeto.

  15. pera ae, quem disse q MK compara com SF???? ai vcs viajaram, eu naum disse isso hora nenhuma!!! mas tmb naum acho MK uma bosta, na verdade ateh o 4 q eu conheço eu acho maravilhosos, gostei de todos e joguei mto (o ultimate 3 eh o melhor, tanto q foi relançado para DS!) …os novos eu naum sei, mas minha teoria se mantem, se fosse um fracasso naum teria lançado um novo ano passado, e naum teria relançado o 3 para DS!
    outra coisa, gta eh bem inovador e divertido, para começar violencia sem sentido EH SIM bom, mtas vezes quero jogar soh para matar ou coisas do tipo, e gta eh bom nisso XD e a criação de mundo deles eh algo bom e q merece estudo, os caras colocaram uma cidade inteira sem loadings, fala serio! q jogo vc tem tanta opção igual gta, de fazer quase de tudo q quiser na cidade? a graça dele eh essa, ele dah um poco de liberdade, coisa q a maioria naum faz…
    ps: tomb raider e halo fedem e mto!
    ps2: q venha o review anti MK, estou preparado!

  16. Olha cara voce ai que criticou esse jogo way of the warrior e graças a imbecis que nem voce que hoje em dia nao existe mais jogo nenhum so jogo de idiota tipo guerra que pode ser jogado em lan house ou em casa um verdadeiro banho de sangue sabe tenha saudades na epoca que faziam muitos jogos ruins e razoaveis pois nao existem jogos perfeitos se existissem nao haveria tanta roubalheira tipo seuqencias golpes ridiculos como the king of fighters ou street fighter e o mais chinelo tekken acho que todo mundo so estava pelo dinheiro do que a ousadia de fazer jogos bons e agora ninguem que nada com nada so vemos adolescentes obesos fazendo sexo virtual ou fritando o cerebro e conhecendo pessoas erradas na internet e se foi o tempo que voce ia em um arcade e tinha varias jogos novos e voce nao achava lugar se foi o tempo se o jogo era ruim ou nao nao interessa o que vale e a diversão ne senhor perfeiçao so por que voce nao gostou the way of the warrior problema e seu eu achei bastante divertido e respeito a opiniao de cada com exeção a sua!!

  17. Boa Daniel assino em baixo veio!!!! é muito fácil criticar, quer criticar faz um melhor então veio eu tive um 3DO na década de 90 o console ñ foi sucesso mas eu me divertia pa caralho jogando way of warrios, Demolidor, Fifa, Gex, o saudoso Road Rash, um jogo de tiro q tu começava como policial de rua passava pra detetive e depois swat e Delta entre outros…
    Engraçado é q muita gent fala mal do MK porque será q ele é o jogo de luta mais lembrado junto com SF até hj, cara respeito a tua insatisfação mas vim exculaxar o jogo aki é foda sr perfeição bola um melhor então gente q fala muito faz pouco veio!!!!
    GTA um lixo???? Puta q pariu!!! GTA é um dos maiores sucessos de jogos dos últimos tempos desd o GTAIII, esse povo vem pra cá falar de violência po qual é o jogo q ñ tem violência hj em dia só esport mesm, se ñ gosta d jogo violento ñ joga veio agora ñ vem pra cá dizer q o jogo influecia q isso é uma das maires ipocrisias q já lí na net, o q forma o caráter da pessoa ñ são os jogos violentos e sim a base familiar q o indivíduo tem eu gosto de GTA nem por isso saio na rua adirando nos outros e roubando carros se a pessoa faz isso é problema pessoal dela ñ do jogo.

  18. Olá para todo mundo.
    Bem, eu achei essa matéria por acaso.Eu estava procurando outro jogo (Survivor Arts) e acabei entrando nesse site.Mas no final até gostei, pois eu estou procurando jogos que copiaram o Mortal Kombat (quero saber quantos foram).
    O avcf fez um bom artigo, o jogo é realmente tosco (nunca joguei, mas pelas fotos da para ter uma idéia).
    O mais estranho é que é justamente isso que me atrai.O jogo é tão tosco que eu começo a achar interessante (não legal, apenas interessante).
    Sobre o MK, só consegui zerar (aqui no RJ nós damos esse nome quando finalizamos um jogo) o 3 com o Noob.
    Eu acho o MK legalzinho.Não é nada que se compare com o SF e o KI (este último é o meu predileto), mas é um jogo legal.Não gostei do MK 4.Baixei para N64 e achei ruim, mal feito, com poucos personagens e repetitivo.
    Eu acredito que o sucesso que o MK teve foi por causa da polêmica que ele criou (foi o MK, junto com o Night Trap, que resultaram na criação da faixa etária para os jogos, pois eram considerados violêntos) e por usar personagens reais para fazer os lutadores.Fora isso o pessoal hoje não se interessa sobre o MK.
    Sobre o 3DO eu não posso falar muito.Nunca joguei nenhum jogo dele (pretendo jogar), até porque eu não era daquela época (tenho apenas 21 anos) e o máximo que eu jogava na minha infância era Master System, Snes, Atari e Mega Drive.Entretanto, pelo que eu li, essa época foi marcado pelo sensacionalismo das empresas e dos jogos.É só ver que o 3DO é da mesma época que o Jaguar, o grande fracasso da Atari (por falar nele, sabiam que existem dois jogos do Jaguar que são cópias descaradas do MK?).Pelo que eu vi os jogos do Jaguar são bem caídos.
    Sobre o jogo ser ruim ou não isso é de cada um, não há motivo para brigar.Eu, por exemplo, gosto de jogar jogos do tipo point-and-click/escape (Sanitarium, Full Throtle, etc) e muitos devem odiar esse gênero.Assim como eu não gosto de RPG (muitos aqui devem amar esse gênero).Eu, particularmente, não gosto de jogos como Final Fantasy e Zelda.
    O problema das indústrias de jogos é que eles se preocupam muito com os gráfico e marketing e pouco com a jogabilidade e criatividade dos jogos.Por isso que há esse monte de FPSs da vida (eu gosto do gênero, mas já deu, é sempre a mesma coisa, não inova).
    Bem, isso é o que eu penso sobre tudo o que foi debatido aqui.
    Tchau!
    PS:Estou jogando o MK do sub-zero do N64.O jogo mal programado, hein!

  19. Sei que o tópico é velhão e talvez vc nem venha a ler, mas, que fique como registro.
    Olha, qnt a way of the warrior eu concordo, pra época já era tosquíssimo. Zoadão. Agora, que o 3Do foi um péssimo console!! Sem essa. A importância dele pára o desenvolvimento dos consoles foi absurda. Tá certo que a grande maioria dos games na época era FMV, oK. Coisas da época. Mas eu listaria facinho sem pestaneja 50 games Fodões dele. Supergamepower era uma revistinha!!! …putz
    Olha tenho um camarada que diz não exixtir nada mais gostoso do que pão com alho e mel…Como vê, já estou abtuado a absurdos. Opnião é opnião

  20. E eu mesmo na época achava que o pessoal exagerava em malhar o jogo impiedosamente (não havia jogado o mesmo, e nem o tinha visto “rodando” – o máximo que vi foram umas fotos nas finadas revistas de videogame brasileiras do tipo Ação Games ou Super Gamepower). Mas depois que eu vi vídeos dessa tragédia vejo que não há meios de não concordar – o jogo é um desastre!

    E o soldado que começa gigante e encolhe? Hahahahahahaah 😆

  21. Detalhe 1: A Super Game Power, 1 ano antes de meter o pau nesse jogo ( Way of the Warrior) fez um “Golpe Final” dedicado apenas a ele e lançou um review com o score lá em cima! Merda de revista.

    Detalhe 2: Você não deveria odiar tanto o 3DO. Ele possui uma versão maravilhosa de Super Street Fighter 2 TURBO. A trilha sonora e os efeitos sonoros são simplesmente sensacionais!

  22. Faltavam 2 elefantes no cenário do Dhalsim nessa conversão pra 3DO. Teve também um Road Rash razoável (com um pé na mesma letra “R” que se usa para “ruim”) e uma conversão bacaninha do primeiro Samurai Spirits (Samurai Shodown).

  23. Não concordo com as palavras desse rapaz em relação ao Mortal Kombat. Acho que para a época, foi sim uma inovação importante para mostrar um estilo gráfico diferente do já tão manjado STREET FIGHTER. Tanto é verdade, que a Capcom lançou o Street Fighter the movie, com gráficos digitalizados ala MK. A única crítica que tenho a fazer sobre o MK, é a péssima inteligência artificial do game e os péssimos fatalities inventados no MK3.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.